Home » Quem eu sou

Quem eu sou

Curriculum profissional

Curriculum profissional - Massimo Lombardozzi Osteopatia
  • Diplomado em Osteopatia D.O. com a escola E.O.P. de Roma.
  • Osteopata na famosa S.P.A. do Hotel Rome Cavalieri Waldorf Astoria.
  • Docente convidado em cursos de pós graduação em Terapia Manual junto às Faculdades de Fisioterapia da UNIC (MT), UNINGÁ e UNICENTRO (PR)
  • Docente convidado em cursos de Osteopatia Estrutural e Visceral pelo IBO
  • Docente de osteopatia Estrutural na Escuela de Osteopatia y Posturologia de Rosário (Argentina)
  • Docente de osteopatia Estruturale Visceral da Faculdade Inspirar
  • Colabora com os serviços de Fisiatria e Gastroenterologia do Hospital Militar de Roma Celio em pesquisa sobre a eficácia do tratamento Osteopático em pacientes com dispepsia funcional e refluxo não erosivo.
  • Coordenador de pesquisa sobre a eficácia do Tratamento Osteopático, em pacientes com Esclerose Múltipla.
  • Colabora com G. Finet e C. Williame, por conta dos quais cuidou da tradução do último livro nas versões em italiano e português, é um dos únicos seis osteopátas no mundo, autorizados a difundir e ensinar o métododas colunas de pressão viscerais, criado graças às pesquisas baseadas em Radiografias e Ultrassonografias da mobilidade visceral humana.                                               

Protocolo de tratamento osteopático em pacientes com esclerose múltipla

Protocolo de tratamento osteopático em pacientes com esclerose múltipla - Massimo Lombardozzi Osteopatia

clicar na imagem para assistir à palestra no youtube

O Ombro: Cirurgia e Reabilitação ao vivo

O Ombro: Cirurgia e Reabilitação ao vivo - Massimo Lombardozzi Osteopatia

A fase pós operatória na cirurgia de ombro, deve incluir, além da normal reabilitação, um trabalho de reequilíbrio neuromuscular, finalizado à coordenação dos interventos dos diversos grupos musculares que agem na cintura escapulo humeral. 

Neste trabalho, é desenvolvida uma sequencia de exercicios em três fases: deitado, em posição sentada e de pé, baseados na integração do trabalho do ombro com a postura global.

A recuperação "ad integrum" da mobilidade e da força são condições necessárias, mas não suficientes para a represa da prática esportiva, é necessário um trabalho específico de adaptação ao gesto atlético onde as intervenções dos músculos da cintura escapulo humeral, sejam integradas nas cadeia cinéticas envolvidas no movimento.

 

Colaborações

Colaborações - Massimo Lombardozzi Osteopatia

Colaborações - Massimo Lombardozzi Osteopatia

Colaborações - Massimo Lombardozzi Osteopatia

Colaborações - Massimo Lombardozzi Osteopatia

estou no

estou no - Massimo Lombardozzi Osteopatia